26 de outubro de 2008

York

Voltei com as novidades!

Bom, eu estava trabalhando no Portabella, o barzinho na beira da praia, como garconete. Mas eu nao sei fazer cafes na maquina de expresso, entao na sexta feira passada eu tive que trocar de funcao, pois em 2 semanas a Tina (garconete e barista) vai se mudar de Melbourne e deixar o emprego. Entao no final do dia o Will me falou que eu ficaria no balcao de sorvetes e coisinhas para comer. Tudo bem ate ai.

No entanto a coisa complicou um pouquinho, pois no sorvete (alem de vende-los, obviamente) eu tinha que fritar batatas, dim sims (bolinhos chineses), potato cakes (tipo uma massa de batata que eles fazem para se comer frito), entre outras coisas. Fiquei um pouco com medo de ter que ficar lidando com oleo quente, mas ate ai tudo bem, tava me virando bem.

O pior foi ter ficado toda besuntada e nojenta!!! Comecei a nao curtir muito a ideia no final do shift de sabado, no qual eu trabalhei 8 horas fritando comidinhas, e cheguei em casa cheirando a gordura...

Mas precisava trabalhar, e fui no domingo de novo. Trabalhei direitinho, mas ja estava pensando em ver outras coisas.

Tudo bem que o pessoal do Portabella e gente finissima, adorei todos eles, mas aqui tem tantas coisas para se fazer e tantas ofertas de trabalho que eu tenho outras chances de escolher algo que eu goste mais de fazer.

A Fe tinha me falado que tinha visto uma placa de que estavam precisando de staffs no Cafe Brazil, que fica a cinco minutos a pe de casa, ao lado do mercado. E do lado tem um restaurante chamando York, do mesmo dono. Entao na terca quando fui no mercado com a Fe resolvi deixar um curriculo la, quem sabe nao rolava alguma coisa.

Conversei com o cara do Cafe (George, grego) e ele ficou entusiasmado sabendo que eu era brasileira, pois ele disse que muitas pessoas aparecem por la falando portugues e que seria legal ter algum brasileiro para se comunicar em portugues. Agradeceu por eu ter deixado o curriculo e disse que ia entrega-lo para o Jim, o dono do cafe e do restaurante.
Sai de la esperancosa, pois o lugar e muito legal, organizado e muito charmoso, muito agradavel para trabalhar.

Fui no mercado fazer compras, e uns 20 minutos depois meu celular tocou: era o Jim perguntando quando eu poderia fazer uma entrevista com ele.
"- Em 15 minutos, estou no mercado aqui do lado terminando minhas compras."
Fui falar com o Jim logo em seguida, que me apresentou para a Erin (o braco direito dele no restaurante) e agendamos um trial para a quinta feira.

Na quinta, mal tinha comecado o trial e ja vi o Jim conversando com a Erin. Dez minutos depois ele me chamou e so me disse "Bem vinda ao nosso time!".

Fiquei feliz da vida, pois adorei as pessoas de la tambem, a Erin (escocesa) e gente finissima, ta me ajudando pra caramba dando todas as dicas e me ensinando tudo, a Michelle (inglesa) tambem e muito legal e me deu a maior forca, os chefs da cozinha, o lugar em si, o proprio Jim, enfim, adorei tudo. E estava contratada! Entao continuei trabalhando ate o final do dia.

No dia seguinte fui falar com o Will do Portabella, pois nao iria mais trabalhar la. Ele ficou um pouco triste porque estava gostando do meu trabalho, mas me agradeceu muito por tudo e principalmente por ter dado uma satisfacao, indo la para conversar com ele e avisar que eu ia mudar de emprego, pois aqui a oferta de trabalho e tao diversificada que as pessoas normalmente arrumam outro emprego e simplesmente somem.

Tudo bem que e uma mega falta de educacao e eu nunca faria isso, mas parece que e o que muita gente faz. E apesar de estar saindo de la ele me deixou as portas abertas, que qualquer coisa se eu nao gostasse do trabalho novo que era para eu ligar para ele, e indiquei meu primo novamente para ele pois era alguem que eu confiava e que tinha interesse (pois o Tudi ja tinha largado esse emprego para pegar um outro que nao deu certo, e me pediu pra ver se rolava dele voltar pra la).

Assim, fiquei feliz com o resultado final disso, pois ficou bom para todo mundo: o Will tinha adorado o trabalho do Tudi, o Tudi acho que vai pegar pegar uns shifts por la pra ganhar uma grana tambem e eu estava muito mais feliz com o meu novo emprego.

Na sexta ja trabalhei num shift gigante no York: comecei meio dia e fui ate umas onze da noite.

Podem pensar "Que exploracao", mas e exatamente o contrario. Aqui nao existe salario, voce recebe semanalmente e por hora trabalhada. E logico que eu adoro isso, pois quero mesmo shifts longos e mais horas por semana, porque ai consigo ganhar mais dinheiro!

No sabado nao fui pro York, pois ja havia avisado o Jim dos dias da Melbourne Cup, entao logo cedinho fui para Moonee Valley para meu primeiro trabalho no Spring Racing Carnival.

O povo todo chique, vestidos de festa, todo mundo muito elegante e o caramba. Mas tambem tinha cada chapeu horroroso por la que eu morri de rir! Tinha uma mulher que parecia que estava com um pato em cima da cabeca, medonho! Mas faz parte do contexto da festa, fazer o que? Alem do mais o fato de ser rico nao isenta ninguem de ter mau gosto e ser brega...

Trabalhei monte de horas tambem, e no final do dia estava que nao aguentava meus pes de tanto andar. Fiquei numa area que era estilo cocktail, entao eu andava pra la e pra ca passando bebidas e canapes. Mas voltei pra casa feliz da vida, ganhando uma graninha boa MESMO por isso!

E hoje acabei de chegar do York novamente. Muito bom e tranquilo o trabalho, ja tenho os meus shifts da semana que vem todos programados (inclusive sabado que vem estou off de novo pois vou para Flemington trabalhar na outra corrida do Spring Racing Carnival), tudo planejado e organizado. Do jeito que eu gosto de ser em relacao ao trabalho.

Ta, confesso que em casa sou meio desorganizada, mas esse meu habito anda mudando um pouco por aqui tambem. Estou morando com outras 4 pessoas, entao procuro ser o mais organizada possivel em casa, para manter um ambiente agradavel para todo mundo sem incomodar. Afinal, ninguem e obrigado a conviver com a minha desorganizacao... rs

Resumindo: com toda a mudanca dessa semana, fiquei ainda mais satisfeita com tudo! Trabalho mais legal e mais light, lugar mais organizado e agradavel, mais seguro, continuo cheirosa mesmo no final do dia de trabalho, mais dinheirinho entrando, tudo caminhando muito bem.

E alem de tudo isso, outra coisa muito importante: o York e um point de almoco dos executivos gatuchos da area aqui de Southbank, alem de muita gente bonita no happy hour que se encontra por la para tomar um vinho. A comecar pelos filhos do Jim!

Ja conheci dois dos tres filhos deles, Nick e George (outro George, nao o do cafe). Gatos, muito gatos! Ta, talvez os filhos do chefe nao sejam permitidos, mas dar uma paqueradinha nao faz mal pra ninguem... rs

Enfim, estou amando meu emprego novo! Alem todas as vantagens que ja comentei, tambem e um lugar muito bom pra paquerar.

E vai saber, de repente eu ate arrumo um namoradinho por la... Not bad!!!

Musica do dia: New York, New York (Frank Sinatra)

4 comentários:

Augusto Araújo disse...

Ih demorou.
Acho q um paulistano dançou nessa.

rafaela disse...

oi Mi... ontem fui no aurora..estava legal, como sempre, aliás.. mas estou passando para lhe mandar um beijinho e dizer que ficou faltando Crusing (que eu adoro, contada por vc!!!).. Tudo de bom e boa sorte por ai!!!

Milene Reis disse...

Oi Rafa
Muito obrigada pela lembranca.
Estou com saudades das tardes do Aurorinha e da galera...
Beijao!!!

Cíntia K. disse...

Nossa, vc está trabalhando em vários lugares de comidinhas né?
Vai ficar gordinha heim!
Aliás, o que vc come aí? O OutBack aqui faz as comidas típicas mesmo?
Comida é uma parte que muito me interessa. hihihih
Bjos.